Fala connosco — [email protected]
Calçada do Tijolo 23, 1200-464 Lisboa

Jornalismo independente, progressista e dissidente

Refugiados

extras

União Europeia

Debate: refugiados na Europa. Com Miguel Duarte, Juan Branco e Michele Cinque

Debate organizado pelo colectivo HuBB – Humans Before Borders com a presença do advogado Juan Branco, o ativista Miguel Duarte, investigado por ajuda à imigração ilegal, e Michele Cinque, realizador do documentário “Iuventa”.

20 Julho 2019

entrevista > é apenas fumaça

Refugiados

Juan Branco: “O objetivo é enviar políticos que jogaram com a vida de pessoas vulneráveis para a prisão”

Desde 2014, mais de 18 mil pessoas morreram afogadas ao tentar atravessar o Mar Mediterrâneo. Juan Branco e Omer Shatz, advogados, acreditam que essas mortes foram causadas “conscientemente” por decisores da UE “com o objetivo de impedir a travessia humanitária”. Em junho, submeteram uma ação legal no Tribunal Penal Internacional, acusando líderes políticos europeus de crimes contra a humanidade. Juan Branco é advogado de direito penal internacional, doutorado em Direito Internacional pela Escola Normal Superior de Paris e faz ainda parte da equipa de defesa de Julian Assange e da Wikileaks.

18 Julho 2019

entrevista > é apenas fumaça

Festival Política

Ghalia Taki: “Portugal depende da sociedade civil para acolher refugiados, não é o Governo”

Ghalia Taki fugiu da Síria para o Gana e depois para Portugal. Quando chegou ao país, em 2014, ficou detida no aeroporto de Lisboa durante vários dias com o seu marido, o filho menor e a mãe. Hoje, é intérprete e mediadora no Serviço Jesuíta aos Refugiados e no projeto LAR. Nesta entrevista, conta a sua história e descreve os obstáculos à integração de refugiados em Portugal e na Europa.

6 Junho 2019

especial

Eleições Europeias 2019

Análise: Diaby Abdourahamane e Rita Gaspar sobre a Europa Fortaleza

Na noite das eleições europeias de 2019, Rita Gaspar, ativista na Humans Before Borders, e Diaby Abdourahamane, refugiado da Costa do Marfim em Portugal, desde 2007, e fundador da Associação dos Refugiados em Portugal, analisaram de que forma as políticas migratórias e de ajuda a refugiados moldaram a campanha eleitoral e vão moldar, ou não, a ação do Parlamento Europeu nos próximos anos.

30 Maio 2019

Séries > Aquilo é a Europa

Aquilo é a Europa

Parte 1: Mory

Quando Mory Camara fugiu da Guiné-Conacri nunca pensou vir para a Europa, queria apenas estar em segurança. Um ano e meio depois, atravessava o Mar Mediterrâneo pela quarta vez, depois de meses de tortura e escravatura na Líbia. Foi resgatado pela Sea Watch com mais 46 refugiados, a 19 de janeiro de 2019. Mas a sua viagem não acabou aí.

21 Maio 2019

entrevista > é apenas fumaça

Eleições Europeias 2019

Carlos Coelho: “O Fidesz devia ter sido expulso do Partido Popular Europeu”

A menos de três semanas de eleições europeias, publicamos uma entrevista com Carlos Coelho, eurodeputado pelo PSD e 7º lugar na lista do partido para as eleições. Falámos sobre as violações aos princípios fundamentais da UE que vários países têm implementado; o estado atual do espaço Schengen; a resposta da Europa à crise de refugiados; e a “Europa Fortaleza” que a União tem construído ao longo do tempo.

9 Maio 2019

entrevista > é apenas fumaça

Eleições Europeias 2019

Marisa Matias: “Metade do muro do Trump já existe na União Europeia”

Esta semana temos como convidada Marisa Matias, eurodeputada portuguesa pelo Bloco de Esquerda e presidente da Delegação para as Relações com os Países do Maxereque (Egito, Jordânia, Líbano e Síria) no Parlamento Europeu.

Falamos sobre a “fortaleza” que a União Europeia está a construir, a venda de armas de que muitos países europeus beneficiam, a responsabilidade da Europa nas guerras e na destruição de países africanos e do Médio Oriente, a resposta da UE à crise de refugiados, a criminalização das ONGs de resgate e as recentes alterações à lei de estrangeiros em Portugal.

16 Abril 2019

entrevista > é apenas fumaça

Eleições Europeias 2019

Claude Moraes, eurodeputado: “O conceito de ‘fortaleza europeia’ sempre existiu”

Enquanto a Europa parece, a cada legislação, solidificar a “fortaleza” de que está rodeada, deixando de fora quem foge da morte, as travessias têm ficado cada vez mais perigosas. Segundo a Organização das Nações Unidas, se, em 2015, uma em cada 42 pessoas que tentaram atravessar o Mediterrâneo para chegar à Europa morreu, em 2018, o número era de uma em cada 18. Mais de duas mil desapareceram; seis por dia.

No dia 28 de março, entrevistámos Claude Moraes, eurodeputado britânico, do Partido Trabalhista. Foi eleito pela primeira vez em 1999, e é presidente, desde 2014, da Comissão de Liberdades Cívicas, Justiça e Assuntos Internos, onde a legislação sobre refugiados tem sido discutida. Claude é, ele próprio, imigrante, e tem trabalhado sobre questões de refugiados e migrações desde que iniciou a sua vida política. Falámos sobre os muros que a Europa tem construído, o aumento de poderes da Frontex, o acordo da UE com a Turquia sobre refugiados, a perseguição a ONGs de resgate de pessoas no Mar Mediterrâneo e o Brexit. Ouve aqui.

9 Abril 2019

entrevista > é apenas fumaça

Refugiados

Miguel Duarte: “Esta investigação é absolutamente política. O objetivo não é prender-nos, é parar o resgate marítimo”

Segundo a ONU, mais de 100 mil refugiados chegaram à Europa em 2018 depois de atravessarem o Mar Mediterrâneo – muitos em barcos de borracha deficientes -, milhares desapareceram durante a viagem. Miguel Duarte faz parte da tripulação do Iuventa, um navio que resgatou mais de 14 mil pessoas refugiadas. Agora, é acusado pelo Ministério Público italiano de ajuda à imigração ilegal. E não é o único. Várias organizações não-governamentais de busca e salvamento têm sido travadas judicialmente, naquilo que Miguel chama de “campanha para acabar com o resgate marítimo”, por parte da União Europeia.

13 Dezembro 2018

Séries > Palestina, histórias de um país ocupado

Palestina (2/6)

Belém, do milagre da vida à banalidade da morte

Neste episódio vamos até Belém conhecer a história de Anas. Como é viver no Aida Camp, um campo de refugiados palestinianos onde todos os dias o exército israelita faz rusgas, atira bombas de gás lacrimogéneo, granadas de atordoamento, canhões de água de esgoto e dispara armas de fogo?

29 Maio 2018