Fala connosco — [email protected]
Calçada do Tijolo 23, 1200-464 Lisboa

Jornalismo independente, progressista e dissidente

Eleições Europeias 2019

Carlos Coelho: “O Fidesz devia ter sido expulso do Partido Popular Europeu”

9 Maio 2019
06:58

“Senhor Presidente, precisamos de agir e precisamos de aprovar um instrumento de monitorização que dê consequência aos casos de incumprimento dos direitos fundamentais, precisamos de condicionar os fundos ao respeito pelos nossos valores fundamentais e precisamos de exigir ao Conselho que dê consequência ao artigo 7.º, como obrigam os tratados. Liberdade, Democracia e Estado de Direito não são palavras bonitas para decorar discursos. São valores que fazem parte da nossa identidade. Uma identidade que está ameaçada. Tenhamos coragem de a defender”.

Carlos Coelho, eurodeputado português pelo PSD, disse isto durante uma intervenção no Parlamento Europeu, em janeiro. Falava sobre a Hungria e as constantes violações de direitos fundamentais que o seu governo tem colocado em prática contra contra migrantes e refugiados, liberdade de expressão, liberdade religiosa, independência do sistema judicial, entre outros.

Em setembro de 2018, o Parlamento Europeu aprovou, pela primeira vez, um pedido ao Conselho da União Europeia (UE) para que inicie o processo de imposição do artigo 7 do Tratado da União Europeia, suspendo a Hungria de alguns dos seus direitos no Conselho da União Europeia (por exemplo, o direito de voto). Até agora, o Conselho ainda não se pronunciou sobre a matéria.

Poucos meses mais tarde, em março, o Partido Popular Europeu, do qual o PSD e o CDS-PP fazem parte, votou para suspender o Fidesz, partido de Viktor Orbán, primeiro-Ministro húngaro, até que cumpra uma série de requisitos. Carlos Coelho acha que o partido deveria ter ido mais longe: “Não sei se o PPE não ter expulso o Fidesz do partido foi uma questão de [falta de] coragem, se foi uma questão de valorizar mais os interesses eleitorais”.

A menos de três semanas de eleições europeias, publicamos uma entrevista com Carlos Coelho. Falámos sobre as violações aos princípios fundamentais da UE que vários países têm implementado; o estado atual do espaço Schengen; a resposta da Europa em relação à crise de refugiados; e a “Europa Fortaleza”que a União tem construído ao longo do tempo.

FOTOGRAFIA:Martin Lahousse, fotógrafo do Grupo PPE

Edição de Som
  1. Bernardo Afonso
Edição de Texto
  1. Pedro Miguel Santos
Entrevista
  1. Ricardo Esteves Ribeiro
Preparação
  1. Ricardo Esteves Ribeiro
Texto
  1. Ricardo Esteves Ribeiro
/ / / /

pergunta, sugere, denuncia, contribui

Jornalismo com tempo e profundidade faz-se com a tua participação e apoio.

Contribuir

subscreve a nossa newsletter

para poderes votar nos tópicos que vamos investigar, workshops que queremos fazer e teres uma voz activa.

Aqui, quem influencia o jornalismo és tu. Apoia-nos.