Fala connosco — [email protected]
Calçada do Tijolo 23, 1200-464 Lisboa

Jornalismo independente, progressista e dissidente

Legislativas 2019

Valter Hugo Mãe: “Ó António Costa, onde é que está o Governo da Cultura?”

3 Setembro 2019
07:16

Há quatro anos, em setembro de 2015, durante a campanha eleitoral e numa sala cheia de artistas, o então cabeça de lista do Partido Socialista para as eleições legislativas disse: “Mais do que um Ministério da Cultura, precisamos de um Governo de Cultura. Porque a cultura tem que estar presente em todas as dimensões da vida, em todas as dimensões da atividade do governo”. António Costa acabou por chegar a primeiro-Ministro poucos meses mais tarde mas, passados quatro anos e três Ministros das Cultura depois, Valter Hugo Mãe pergunta: “Ó António Costa, onde é que está o Governo da Cultura?”.

Numa entrevista gravada ao vivo, durante o festival Paredes de Coura 2019, conversámos sobre literatura, cultura, feminismo e racismo com o premiado escritor, autor de livros como “o remorso de baltazar serapião”, vencedor do Prémio Literário José Saramago em 2007; “a máquina de fazer espanhóis”, que venceu o Grande Prémio Portugal Telecom Melhor Livro do Ano e o Prémio Portugal Telecom Melhor Romance do Ano, em 2010, ou os mais recentes “A desumanização”, de 2013, e “Homens imprudentemente poéticos”, de 2016.

Até ao dia 6 de outubro, vamos estar focados no escrutínio de alguns dos assuntos que consideramos mais importantes à medida que se aproxima a votação que definirá a composição da próxima Assembleia da República e do próximo Governo. Vê toda a nossa cobertura das Eleições Legislativas 2019 aqui.

Edição
  1. Pedro Miguel Santos
Entrevista
  1. Ricardo Esteves Ribeiro
Fotografia
  1. Joana Batista
Preparação
  1. Ricardo Esteves Ribeiro
  2. Bernardo Afonso
  3. Pedro Miguel Santos
  4. Maria Almeida
  5. Margarida David Cardoso
Som
  1. Bernardo Afonso
Texto
  1. Ricardo Esteves Ribeiro
Vídeo
  1. Joana Batista
/ / / /

pergunta, sugere, denuncia, contribui

Jornalismo com tempo e profundidade faz-se com a tua participação e apoio.

Contribuir

subscreve a nossa newsletter

para poderes votar nos tópicos que vamos investigar, workshops que queremos fazer e teres uma voz activa.

Aqui, quem influencia o jornalismo és tu. Apoia-nos.