Jornalismo independente
progressista e dissidente

entrevista > é apenas fumaça

Brutalidade policial

Flávio Almada (LBC): “Um militante anti-racista, tem de ser, por natureza, anti-capitalista”

Fomos onde os media tradicionais não costumam ir, dar voz a quem não costuma tê-la. Conversámos sobre racismo na Cova da Moura, com o Flávio Almada, também conhecido por LBC. O LBC é rapper e ativista, membro da Plataforma Gueto, e estudante de Mestrado de Estudos Internacionais no ISCTE.

Abordámos o tema da história do racismo e da sua evolução; falámos sobre colonialismo português e a continuidade colonial; sobre a supressão de presunção de inocência dentro dos bairros periféricos e do tipo de cobertura que os media tradicionais fazem destes mesmos bairros, principalmente quando existem casos de brutalidade policial.

Temos abordado o racismo e a sua influência em Portugal, e continuaremos a fazê-lo.

/ /

pergunta, sugere, denuncia, contribui

Jornalismo com tempo e profundidade faz-se com a tua participação e apoio.

Contribuir
O nosso jornalismo é aberto a toda a gente, mas custa dinheiro. Ajuda-nos a continuar.